quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Twittando

Ser-me-ia grato empregar toda a minha vida em viagens se alguém me pudesse emprestar uma segunda vida para passar em casa.
William Hazlitt

10 comentários:

  1. Se chegaria à perfeição. rs Se é que ela existe.

    Você está melhor?

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  2. "O Erro está na estimativa.
    Diz-se da Eternidade,
    Como de uma Estação, é longe -
    Mas ela está tão perto
    Que me acompanha no Passeio -
    Reparte o mesmo teto -
    Não há Amigo que persista
    Como essa Eternidade."

    Emily Dickinson

    ResponderExcluir
  3. Ana,
    Bom vê-la.
    Viajamos dentro e fora de "casa". De vez enquando podemos imaginar-nos como um caramujo,mas o mais importante é reconhecer que somos carentes, que tanto física quanto no subjetivo só no devaneio podemos estar em dois lugares ao mesmo tempo.
    Beijos, bom final de semana.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ana! Passa no blog Meta-reflexões pra pegar seu selo Esse blog é especial pra você passar pra mais 5 pessoas!

    beijo

    ResponderExcluir
  5. Muito obrigada, caros amigos! Perdão pela longa ausência, não tenho podido 'tocar' o meu blog como gostaria, mas voltarei assim que puder, prometo.
    Beijos!
    PS Taninha, vou lá pegar o meu selo, me aguarde!

    ResponderExcluir
  6. Queridos, essa frase é uma metáfora: pra continuar a viajar por aqui (no virtual) precisaria de uma segunda vida para passar no real (no ambiente doméstico, familiar, profissional).
    Mas amo vocês, e, assim que puder, volto, prometo!
    Um beijo em cada um.

    ResponderExcluir
  7. Oi, passei pra conhecer o blog, e desejar boa semana
    bjsss

    aguardo sua visita ;)

    ResponderExcluir
  8. Salve, Dri! Pouco tenho vindo aqui, mas acabo de deixar um cartão para os amigos, veja lá.
    Beijo

    ResponderExcluir